Como reduzir a dívida com cheque especial

Atualizado: 2 de ago. de 2020

Que os juros do cheque especial são exorbitantes, ninguém tem dúvidas. Mas como se trata de um "dinheiro fácil", é comum as pessoas se utilizarem desse recurso quando se dão de frente com a falta de recursos para determinados compromissos. Entretanto é comum as pessoas não conseguirem liquidar as dívidas assumidas com os bancos através do cheque especial e isso se tornar um grande problema.


Uma alternativa para o problema, é a substituíção da dívida com o cheque especial por um empréstimo, em parcelas fixas, que pode ser concedido pelo próprio banco credor. Isso facilita o planejamento financeiro pessoal, principalmente porque as taxas de juros cobradas pelos bancos nessa modalidade de crédito são menores do que as praticadas no cheque especial.


 

Contabilidade em Mogi das Cruzes ? conte com a PRO Contábil.

103 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo