Adega (Distribuidora de bebidas)

Atualizado: 29 de ago. de 2020


Anteriormente conhecidas por Distribuidora de Bebidas, atualmente utilizando-se da denominação "Adegas", vêm se tornando muito populares em um mercado em que a competição é fortemente determinada pelo preço do produto final ao consumidor.


Quando se fala em consumo nacional de bebidas, a cerveja está em segundo lugar no ranking, perdendo apenas para os refrigerantes. O estado de São Paulo responde por, aproximadamente, 40% do mercado consumidor. O aumento de consumo propiciou o lançamento de novas marcas.


Uma distribuidora de bebidas deve contemplar bebidas alcoólicas e não alcoólicas, tais como bebidas não gaseificadas como águas minerais, sucos concentrados e em pó, chás, mates, isotônicos e bebidas energéticas, favorecendo o aumento das vendas,


A localização ideal para uma Distribuidora de Bebidas é aquela com boa concentração de pessoas, que disponha de espaço físico para estoque / depósito, carga e descarga que favoreça a logística com os fornecedores.


A escolha do imóvel deve considerar a necessidade de estoque, considerando-se o poder aquisitivo da população local, o número de concorrentes e a qualidade dos produtos oferecidos por eles. Antes de fechar negócio com o imóvel é extremamente necessário verificar com a Prefeitura Municipal, se o local pretendido está de acordo com as normas do plano diretor urbano para a atividade comercial.

A estrutura básica de uma Distribuidora de Bebidas pode ser dividida em:

• Área de Atendimento e Vendas;

• Escritório/Administrativo;

• Depósito / Estoque de produtos;

• Banheiros.

A operação de uma Distribuidora de Bebidas, considerando uma área de vendas correspondente a 50m², é relativamente simples. Porém, requer pessoas responsáveis pelo exercício das seguintes atividades:


O próprio empreendedor pode ser o responsável pela gestão da empresa, financeiro, registros contábeis, gestão de pessoas, além da gestão comercial. Um vendedor já será suficiente para desempenhar as atividades de atendimento às vendas, reposição dos produtos e limpeza do ambiente de trabalho.

O Comércio de Bebidas pode ser MEi ?


Sim, a atividade de Comercio de Bebidas (Adega) pode ser enquadrada no MEi. O código da atividade econômica (CNAE) é 4723-7/00 Comércio varejista de bebidas. Esta sub-classe compreende:


- o comércio varejista de bebidas alcoólicas e não alcoólicas, não consumidas no local de venda;


Esta subclasse não compreende:


- a venda de bebidas alcoólicas e não alcoólicas em bares, restaurantes e similares (5611-2)


Se você pretende formalizar-se como MEi na atividade de Comercio de Bebidas (Adega), Conte com a PRO Contábil. Acesse www.procontabil.pro.br


Leia mais sobre o MEi. Outras atividades permitidas ao MEi.

 

Contabilidade em Suzano ? Conte com a PRO Contábil.


1.808 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo